Incidente na sala de aula

Quando eu ouvi essa história, eu passei mal de rir. É bem curta e simples, mas acontece que é um mal de família, herdado de minha avó, achar graça além do normal com o tema de flatulências e de dejetos corpóreos em geral. Genética, não é culpa minha.

Quando minha mãe fez faculdade, por ventura ela estudava na mesma sala de Tio J. Ambos são testemunhas de um pequeno causo acadêmico.

Em um dia de prova dificílima, professor muito rígido, a classe imersa em um silêncio mortal, aconteceu…

peido editado

quem nunca né?

Porém, todo mundo ouviu. E se seguiu esse brilhante diálogo no meio da prova, meio baixinho:

-O que foi isso?

-Um peido…

Até então todo mundo havia deduzido do que se tratava. A obviedade da pergunta e da resposta levou a turma ao delírio, e até o professor não aguentou e riu. Os autores do feito e do diálogo não puderam ser identificados, entretanto.

Anúncios

Um comentário sobre “Incidente na sala de aula

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s