Transparências são perigosas

Se eu pudesse escolher somente um adjetivo para mim, seria serelepe. O segundo adjetivo seria risonha. Juntando os dois, tem-se uma fonte inesgotável de causos engraçadinhos, afinal, não é muito difícil me fazer rir – ou executar um pequeno plano maligno exclusivamente para fins de entretenimento.

Posto isso, hoje relato o causo que mais me fez rir, pelo que me lembre – sou muito exagerada… A protagonista preocupa-se muitíssimo com seu anonimato, então seu codinome será simplesmente Maria. Ela permitiu que eu postasse essa história, mas sem ser identificada, ou seja:

anahickmann

se você sabe quem é a Maria, não divulgue!!

Eu amo a Maria, o que posso dizer dela é que ela é duas gerações acima da minha, ou seja, já usufrui dos direitos da terceira idade. E ela é muito zelosa em relação a sua imagem na sociedade, isso é muito importante no nosso causo. Não que ela seja uma figura importante da sociedade, mas eu também não sou e nem por isso me sinto à vontade de sair descabelada para ir comprar pão. Não estou negando que eu faça isso, só digo que eu não me sinto à vontade…

Pois bem, eu tinha ido almoçar na casa da Maria e ela estava aflitíssima, havia acontecido uma coisa que ela precisava da minha opinião…

Maria tinha ido ao cabeleireiro com uma descolada blusa preta transparente com top e, findo os trabalhos, foi para o estacionamento. O manobrista que “tinha idade para ser seu filho” (segundo ela mesma) queria lhe falar sobre um pequeno arranhão encontrado na lateral do carro, por isso acompanhou-a.

De repente o manobrista tem uma reação que eu gosto de imaginar que foi algo desse tipo:

impressionado

mas infelizmente ele foi mais discreto…

Basicamente, o rapaz estava muito tenso e olhava para o rosto dela e para o chão seguidamente, querendo logo acabar com a conversa. Maria falando “ah, mas é só um riscadinho!!” muito animada ao sair do cabeleireiro.

cerveró

acho que essa foi mais a reação dele

Obviamente vocês deduziram o que aconteceu. Ao entrar no carro e colocar o cinto de segurança, Maria sentiu uma liberdade muito libertina… Sim, o top tinha descido até a barriga e ela estava com os seios à mostra!

Aflitíssima, o que eu teria achado?? – me perguntava. Será que o rapaz teria visto muita coisa? Que é isso, Maria, acho que não – pontuei. Se fosse uma blusa transparente branca aí acho que sim, teria ficado muito transparente, calma… Não deve ter sido nada… Acalmou-se, mas não parecia muito convencida. Eu também não estava, mas agora que o mal já estava feito, era melhor relevar… Maria já estava sofrendo com a situação, iria eu piorar?

Para ilustrar os acontecimentos, precisei procurar sobre a moda de transparências no google, e foi mais difícil do que pensei, afinal, lojas de roupas não costumam colocar as modelos com os mamilos de fora… Então vou usar fotos de celebridades ousadas, e agradeço todos os dias por existir a família Kardashian. As fotos abaixo podem não ser muito seguras para serem vistas ao lado do seu chefe ou avó.

branca

quando eu disse “ah se fosse uma blusa branca com certeza seria pior…” eu estava pensando em algo desse tipo. (Kim Kardashian)

Kim Kardashian escolhe look transparente para jantar com Kanye West

o que eu pensei que poderia ter acontecido: houve certa exposição? Sim. Porém discreta, fashion, sem (tanto) alarde, como nessa foto da Kim.

blusas-transparentes-27

Lembrando que, obviamente, a Maria estava com um modelo menos ousado, se bem me lembro era estilo camisa, enfim, algo soltinho e descolado

Depois do almoço a Maria foi passar um cafezinho, e eu fui esperar no quartinho de televisão. Eu estava esticada na cama, curtindo uma preguicinha, vendo provavelmente Keeping up with the Kardashians, quando ela aparece. Ela. Maria. Para tirar a prova de que não havia sido grande coisa, vestindo sua famigerada blusinha transparente:

preta transparente

basicamente era isso de tão transparente (Selena Gomez)

Na hora eu não consegui me controlar para poder acalmar a Maria e falar “ah bobagem, uma coisinha de nada! Não se preocupe, pode voltar lá sem se preocupar!!”. Eu simplesmente comecei a rir tão desesperadoramente alto que fiquei com medo de não conseguir respirar.

oldman

Maria me olhava e ria exatamente como esse senhor: em pânico

Depois de me recompor, eu não tinha mais como negar: sim, o rapaz havia visto sim. “Por isso ele olhava para baixo, por isso ele ficou estranho, o que será que ele pensou? essa senhora o que será que ela quer comigo??” replicava Maria.

Eu não me lembro bem o que aconteceu depois, mas acho que ela voltou ao cabeleireiro na semana seguinte, deixou o carro no mesmo estacionamento e fez como se nada fosse.

maxresdefault

o aniversário da Maria está chegando e eu já sei o que vou dar de presente!

Anúncios

4 comentários sobre “Transparências são perigosas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s